A CÉU ABERTO
Festival TODOS

ARTISTAS

Direção

Raquel Belchior


Interpretação

Ana Lúcia Palminha


Intervenção plástica

Rui Ferreira (RAF)


Participação

Afonso Jesus

Flora Palminha Serpa

Íris Macedo

Joana Amorim

Laura Ferreira

Maria do Ó


Dramaturgia e Entrevistas

Raquel Belchior

Vanessa Amorim


Assistência Artística

Luís Valdir


Sonoplastia

Ócio do Povo Podcast


Vídeo

Ana Gonçalves

Ana Monção


Com o apoio

Giuli & Portier architectes

KINO-DOC

ÓCIO DO POVO PODCAST

TEATRO O BANDO 

Horário

12 SET • 18H30


Local

Rua Campo das Amoreiras, nº 88

Morada

Rua Campo das Amoreiras, nº 88 - Charneca

Duração

90 min


Gratuito com inscrição prévia obrigatória

Opção de jantar no Dona Mimi (10€, com inscrição prévia obrigatória)


ESGOTADO

Partilhar

A Céu Aberto é um lugar-espectáculo criado a partir das memórias da comunidade da Charneca sobre o Cine-Estrela, um dos vários cinemas piolho espalhados por Lisboa, que funcionou entre o início dos anos 70 e o final dos anos 80.  Há um buraco na fechadura do portão do Cine-Estrela. Ao espreitar podemos ver a tela onde foram projetados os filmes que ainda hoje preenchem o imaginário de quem o frequentou:  do Trinitá, aos golpes de Rita Pavone, dos musicais Indianos aos do galã Gianni Morandi, são várias as fitas que povoam a memória da vizinhança do Estrela, havendo ainda quem se recorde das concorridas sessões de esclarecimento político que ali tiveram lugar, logo após o 25 de abril. Ocupamos agora o Cine-Estrela que é hoje uma ruína em que o céu faz as vezes de um telhado e as paredes se convertem em arquivadores de filmes e lembranças. Propomo-nos celebrá-las num fim de tarde de domingo, restaurando a fita do entusiasmo de quem se lembra de aqui ter namorado nos bancos de pau ou imitado os movimentos do Bruce Lee no descampado em frente. E se a vida pudesse ser rebobinada? E se pudéssemos apropriar-nos de todas as coisas, por um dia que fosse, propondo novos planos, outros ângulos? E se pudéssemos “ocupar” o Estrela oferecendo-lhe um último e inesperado take? E se pudéssemos em vez de FIM escrever RECOMEÇO

Contactos

SEDE PERMANENTE

Estrada de Benfica, nº 400

1º E. 1500-101 Lisboa, Portugal

Redes sociais

Newsletter

Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade
Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade Comunidade